Notícias CAU/GO

Dia Internacional da Mulher: as ações do CAU em defesa da Equidade de Gênero

Do total de 179.552 profissionais registrados atualmente no Conselho de Arquitetura e Urbanismo, 114.107 são mulheres e 65.445 homens, ou seja, respectivamente, 63,5% % e 36,5 %. Esse percentual tem crescido ano a ano. Na passagem de mais um 8 de Março, o CAU/BR apresenta uma reflexão sobre o espaço da mulher na Arquitetura e nas cidades, também temática de uma série de ações programadas para os próximos meses, coordenadas pela Comissão Temporária para a Equidade de Gênero (CTEG), com a contribuição de diversos CAU/UF,  muitos dos quais possuem também grupos de trabalhos ou comissões sobre a temática (atualmente CAU/CE, CAU/DF, CAU/MS, CAU/PR, CAU/RJ, CAU/RO, CAU/RS, CAU/SC, CAU/SE e CAU/SP).

O CAU/BR aderiu aos Princípios de Empoderamento das Mulheres da Organização das Nações Unidas (ONU) para as Mulheres e está comprometido com a promoção da equidade de gênero em todas as suas estruturas organizacionais e em seu relacionamento com a sociedade. Em decorrência dessa adesão, o CAU criou e está organizando em suas instâncias internas e nos CAU/UF, formas efetivas de atender as demandas das mulheres e dar maior voz e visibilidade às arquitetas e urbanistas.

“Para o CAU é imprescindível discutir o crescente papel das mulheres no contexto das cidades, considerando e respeitando seu protagonismo”, afirma o presidente do CAU/BR, arquiteto e urbanista Luciano Guimarães. “O atual papel da mulher na sociedade revela que uma cidade planejada para mulheres, em suas diversas interseccionalidades, tem resultados positivos para todos, pois elas ainda são as principais responsáveis por zelar pelos grupos de pessoas com maiores fragilidades, ou seja, crianças, idosos, enfermos e portadores de necessidades especiais”. Não se trata de afirmar estereótipos e minimizar a necessidade de uma responsabilidade compartilhada pelos serviços domésticos e os cuidados, mas de proporcionar melhores condições imediatas para que as mulheres façam ativamente parte dos espaços públicos.

Luciano Guimarães, presidente do CAU/BR

A Política do CAU para a Equidade de Gênero começou a ser construída, em rede, em 2019, durante as etapas do Ciclo de Debates “Mulheres na Arquitetura”, que prosseguem em 2020. Os resultados serão expostos no 27o. Congresso Mundial de Arquitetos (UIA2020RIO) em julho.  Nas próximas semanas serão divulgadas as conclusões do diagnóstico “Gênero na Arquitetura e Urbanismo”, realizado on-line, com a duração de oito meses, e mais de 1200 respondentes, assim como detalhes do “Seminário Internacional Cidades Inclusivas para as Mulheres”, a se realizar em maio com o apoio da Secretaria de Mulheres da Câmara dos Deputados.

 

As ações da comissão para a construção do  guia Política do CAU para a Equidade de Gênero, serão norteadas pelos seguintes eixos:

A partir do mês de março, a CTEG inicia uma série de diálogos com a sociedade esclarecendo sobre o papel da Arquitetura e Urbanismo para a construção de cidades e espaços mais democráticos e inclusivos para todos e todas. Os projetos fazem parte do Plano de Trabalho da Comissão, aprovado pela Deliberação Plenária nº 0096-09, de 22 de novembro de 2019. O cronograma das ações inclui:

8 de março – Dia Internacional da Mulher
Publicação a partir de 04 de março:
– Matéria especial: A Arquitetura e Urbanismo e as Mulheres no Planejamento das Cidades.

– Série de vídeos e matérias com entrevistas realizadas pelos CAU/UFs sobre a produção feminina nos estados:

CAU/APSílvia Pessoa de Lima: o diferencial da sensibilidade na Arquitetura e Urbanismo

CAU/ES: Karla Caser: crítica aos preconceitos e machismo na Arquitetura

CAU/PB: Conselheiras do CAU/PB: dedicação por amor à profissão

CAU/PE: Denise Paes Barreto: respeito e igualdade de oportunidades para todos

CAU/TO:  Mônica Avelino Arrais: Arquitetura como uma mudança na sociedade

 

19 de março (100ª Plenária do CAU/BR)
– Resultado do diagnóstico Gênero na Arquitetura e Urbanismo
– Homenagem às mulheres que contribuíram com a construção do CAU.
– Lançamento da campanha de sensibilização sobre equidade de gênero na Arquitetura e Urbanismo. Estão previstos diversos vídeos a serem lançados até o Congresso Mundial de Arquitetos abordando o tema sob a perspectiva dos 6 eixos de trabalho da Comissão.

Maio
Seminário Internacional Cidades Inclusivas para as Mulheres, atualmente em construção com o apoio da Secretaria de Mulheres da Câmara de Deputados. O evento trará experiências internacionais aplicadas em políticas públicas com a perspectiva de gênero nas cidades.

19 a 23 de julho (Congresso Mundial de Arquitetos UIA 2020 RIO)
Exposição dos resultados dos trabalhos e lançamento do guia Política do CAU para a Equidade de Gênero, com recomendações de ações para a sua operacionalização e atualização periódica em rede, envolvendo atores em todo o território nacional.

 

A Política do CAU para a Equidade de Gênero vem sendo construída em rede e debatida durante as etapas do Ciclo de Debates Mulheres na Arquitetura, promovidos presencialmente com a participação de 10 estados nas seguintes datas e locais:

JÁ REALIZADOS
● 03/07/2019 – Florianópolis/SC, seminário com o tema OS DESAFIOS PARA ATUAÇÃO E REPRESENTAÇÃO PROFISSIONAL
● 12/09/2019 – Florianópolis/SC, audiência pública com o tema CIDADES INCLUSIVAS PARA AS MULHERES
● 28/11/2019 – Salvador/BA, seminário com o tema MERCADO DE TRABALHO 
● 30/01/2020 – Porto Alegre/RS, seminário com o tema CIDADES INCLUSIVAS PARA AS MULHERES
● 06/02/2020 – Aracaju/SE, audiência pública com o tema A MULHER E O DIREITO À CIDADE 
● 29/02/2020 – Fortaleza/CE, seminário com o tema MULHERES, ARQUITETURA E CIDADE

 

PRÓXIMOS
● 09/03/2020 – Curitiba/PR, audiência pública com o tema MULHERES E CIDADES INCLUSIVAS
● 09 e 10/03/2020 – São Paulo/SP, seminário internacional com o tema O PERFIL E A VALORIZAÇÃO DAS MULHERES NA ARQUITETURA E URBANISMO
● 18/03/2020 – Brasília/DF, seminário com o tema MULHERES NA ARQUITETURA E DIREITO À CIDADE
● 23 a 24/03/2020 – Campo Grande/MS, programação em construção.
● 26 a 27/03/2020 – Rio de Janeiro/RJ, programação em construção.

 

Etapa de 03/07/2019 em Florianópolis/SC
Etapa de 12/09/2019 em Florianópolis/SC
Etapa de 28/11/2019 em Salvador/BA
Etapa de 30/01/2020 em Porto Alegre/RS
Etapa de 06/02/2020 em Aracaju/SE
Etapa de 29/02/2020 em Fortaleza/CE

Por Ana Laterza, arquiteta e urbanista, analista do CAU/BR , analista técnica da Comissão Temporária de Equidade de Gênero

Colaboraram  Socorro Aquino, jornalista, e Beatriz Castro, estagiária de Jornalismo (sob supervisão de Júlio Moreno)

Fonte: CAU/BR

OUTRAS NOTÍCIAS

Entrevista com George Lins

Brasília sediará a IV Conferência Nacional de Arquitetura e Urbanismo entre 8 e 10 de novembro

Prêmio TCC 2023 está com inscrições abertas! Prazo de envio é até 10/11