Destaque

CAU realiza campanha de valorização a fim de promover trabalho do arquiteto e urbanista

“Arquiteto e urbanista: faz parte da sua obra, faz parte da sua vida”. Com esse conceito, o CAU/GO iniciou em novembro a veiculação de uma campanha publicitária de valorização profissional, que alcançará a sociedade por meio de rádio, redes sociais e outdoor em 14 municípios de Goiás.

Destacando a importância do trabalho do arquiteto e urbanista, a campanha informa que contratar um profissional é simples e acessível. “É ele quem vai planejar as melhores soluções pra você, sua família ou sua empresa. Gerando qualidade, segurança e economia pra fazer a obra caber no seu orçamento”, diz o texto do spot de rádio, que já está sendo veiculado nas rádios CBN e Interativa.

Mais mídias
Nesta semana, a campanha também começou a ser veiculada nas mídias sociais do portal de notícias Mais Goiás, que tem mais de um milhão de seguidores. Nas redes sociais do CAU/GO (Instagram, Youtube e Facebook), os vídeos da campanha publicitária serão impulsionados até o final de dezembro.

Nos outdoors, o material será disposto a partir de 5 de dezembro, em 50 pontos de Goiânia e mais 13 municípios: Anápolis, Aparecida de Goiânia, Caldas Novas, Catalão, Jataí, Inhumas, Itumbiara, Luziânia, Rio Verde, São Luís de Montes Belos, Senador Canedo, Trindade e Uruaçu.

O público-alvo da campanha é a sociedade como um todo, classe BC, de 18 a 60 anos, de Goiânia e municípios do interior.

Contratação
Responsável pela campanha, a agência Imagem Única Propaganda venceu o processo licitatório realizado pelo CAU/GO entre os meses de julho e setembro. Também concorreram na licitação as agências IMV Propaganda e Maxi Publicidade. Confira mais informações no Portal da Transparência do Conselho.

A necessidade de realização da campanha profissional se dá por conta de dados como os levantados pelo Instituto Datafolha em 2015, apontando que no Centro-Oeste 90% da população que reformou ou construiu suas casas não utilizaram os serviços de um arquiteto ou engenheiro em sua obra. Nacionalmente, o percentual revelado pelo levantamento mais recente, de 2022, é de 82%.

Ao mesmo tempo, existe uma falta de reconhecimento da profissão pela sociedade, em especial por falta de entendimento sobre a amplitude e complexidade do trabalho que pode ser desempenhado pelo arquiteto e urbanista. É comum que atividades e atribuições privativas de arquitetos sejam realizadas por outros profissionais, como engenheiros e designers de interiores.

A comunicação, além disso, visa auxiliar a desconstruir a percepção de que os serviços dos arquitetos e urbanistas são caros e destinados apenas para a elite, e que o “cidadão comum” não teria acesso a eles. “Arquitetura e urbanismo é para todos e todas”, diz o briefing da campanha.

Desta forma, entre os objetivos da iniciativa está o reforço ao papel do arquiteto e urbanista como técnico essencial para garantir a segurança das pessoas – tanto de quem constrói, quanto do usuário final da edificação, como também da sociedade em geral.

OUTRAS NOTÍCIAS

Deriva do Bem acontece dias 7 e 8, abordando narrativas de quem vive no Centro de Goiânia

Carta aberta aos candidatos: Pacto pela sustentabilidade dos municípios e qualidade da vida urbana

Patrocínio 2024: Conselho realiza reunião online de tira-dúvidas, dia 28