Destaque

Arquitetos goianos são premiados em concurso de arquitetura da paisagem em Belém (PA)

A equipe goiana de arquitetos e urbanistas integrada por Bruno Cabral, Frederico Rabelo, Guilherme Andrade, Mateus Maia, Rafaella Marçal, Rangel Brandão, Robson Leão e Rodrigo Martins ficou em terceiro lugar no concurso público nacional de propostas para o projeto de arquitetura da paisagem do “Parque Igarapé São Joaquim”, no Pará.

O objetivo do concurso, em nível de Estudo Preliminar, é a requalificação urbana, ambiental e paisagística da área do entorno do igarapé São Joaquim, passando por 20 bairros de Belém. O projeto também prevê a criação do Parque Igarapé São Joaquim, que terá área de 6,48 hectares e 4,6 km de extensão. A obra está orçada em R$ 160 milhões.

O projeto da equipe goiana adotou um princípio de simbiose entre natureza e os processos de ocupação humana, propondo um sistema que toma a terminologia da ‘metástase verde’ como paradigma de planejamento e projeto. Outro ponto importante foi o trânsito entre as escalas que se apresenta a partir da divisão entre cidade, bairros e centralidades. A proposta de mobilidade urbana se mostrou adequada e a preocupação com a comunidade local transparece nas leituras.

Integrantes do grupo já obtiveram boas colocações em diversos concursos. Como, por exemplo, menção honrosa em concursos para conjuntos habitacionais da Codhab-DF, segundo lugar no concurso para o Memorial da Boate Kiss, em Santa Maria (RS), e quarto lugar nos concursos para a sede do CAU/BR e IAB nacional, em Brasília, e o projeto do parque tecnológico Ágora Tech Park, em Joinville (SC).

Premiados
O projeto que ficou na primeira colocação do concurso do Parque Igarapé São Joaquim foi de autoria de uma equipe de Brasília (DF), integrada pelos arquitetos e urbanistas Fabiano Sobreira, Paulo Victor Borges Ribeiro, Luana Alves Faria, além dos estudantes Lucas Sousa e Luísa Porfírio. O prêmio estabelecido pelo edital é de R$ 50 mil. Os profissionais, além disso, serão contratados para desenvolver o projeto executivo da proposta.

O segundo lugar do concurso ganhou o prêmio de R$ 23 mil e foi para a equipe do Rio de Janeiro (RJ) formada pelos arquitetos urbanistas Duarte Vaz Guedes e Silva e Elena Geppetti, Vinícius Ferreira Mattos, Caroline Nogueira Cavalcante Barreto, Kamila Barbosa Paganelli, Bruno Amadei Machado, Victor Huggo Fernandes de Brito, Rafaela Rezende Lessa, Bruno Kraemer Paragó, Larissa de Paula Scheuer, Mylenna Linares Merlo e Isadora Riker.

O concurso anunciou duas Menções Honrosas. Uma delas foi para o projeto do arquiteto e urbanista Martin Kaurfer Goic, de Curitiba (PR). A outra foi para o arquiteto e urbanista Benedito Moreira, de Ritápolis (MG).

De acordo com o cronograma do concurso, no dia 28 de abril será realizada a abertura da exposição virtual dos trabalhos e a contratação da equipe vencedora.

O CAU/GO valoriza a realização de concursos públicos para contratação de projetos, em especial para as obras públicas, democratizando o debate e o acesso à Arquitetura e Urbanismo.

Confira imagens do projeto da equipe goiana:


 

Acesse o site oficial do concurso para mais informações.

 

OUTRAS NOTÍCIAS

Carta aberta aos candidatos: Pacto pela sustentabilidade dos municípios e qualidade da vida urbana

Patrocínio 2024: Conselho realiza reunião online de tira-dúvidas, dia 28

Conselho acompanha lançamento do novo sistema de análise e aprovação de projetos da Prefeitura